TENSÕES DISCURSIVAS NA WIKIPÉDIA:Um estudo de caso acerca da construção do verbete “Dilma Rousseff”

Carlos Henrique Parente Sousa

 

Resumo
A presente pesquisa apresenta uma investigação acerca dos pontos fortes e fracos do debate público encontrados na página de discussão atinente à “Dilma Rousseff” na Wikipédia em língua portuguesa. A Wikipédia é uma enciclopédia livre, ou seja, um sistema do qual múltiplos autores e editores podem participar escrevendo verbetes ou modificando e editando os conteúdos já existentes, sem maior distinção quanto ao grau de conhecimento sobre um assunto específico. Os verbetes são editados de forma colaborativa através de debate público em uma página de discussão exclusiva de cada tema. Nesta referida página, podem ser encontrados comentários ou traços de aperfeiçoamento das diretrizes de edição dos verbetes. É justamente nestes espaços onde se percebe a ocorrência de embates ideológicos e de tensões diversas geradas acerca do entendimento expresso por um ou outro usuário.Para verificar os pontos fontes e fracos da discussão política recorre-se à grande analítica de Lincoln Dahlberg(2001) inspirado em autores que criticaram e reformularam as propostas de pesquisadores da literatura anglo-saxã (Miola, 2009, Sampaio; Maia; F. Marques, 2010, Mendonça e Pereira, 2011). Tal grade é composta por quatro categorias principais: 1) tematização e crítica racional, 2) reflexividade, 3) ideal role taking, 4) inclusão e igualdade discursiva.Os resultados encontrados são: 1) verificou-se que quase todas as mensagens são respondidas ou fazem alusão ao tema proposto, contudo a maior parte das mensagens não se proveu de justificativas para as opiniões expressas; 2)comprovou-se uma considerável quantidade de persuasão e progresso e um baixo índice de radicalização entre os participantes; 3) não se observou incivilidade (racismo, ódio e ataques contra princípios democráticos)entre os participantes, mas presenciou-se ínfimo comportamento que direcionavam ironias ou ofensas pessoais.Ainda, não se presenciou diálogos contínuos;4) notou-se uma participação de poucos wikipedistas no debate no tópico analisado e identificou-se que as mensagens não foram dominadas por um número pequeno de participantes. As conclusões são: 1) os usuários preferem afirmaras normas e políticas da comunidade ao invés de justificar os seus argumentos;2) Existe uma considerável participação de usuários com interesses e posições divergentes; 3)As regras, normas e princípios de sanção de bloqueio minimizou o desvio de conduta dos participantes da Wikipédia em língua portuguesa e o canal discursivo é utilizado para sanar as disparidades de forma rápida; 4) visualiza-se efetivo engajamento dos wikipedistas.

 

Palavras-chave: Internet. Deliberação Pública. Wikipédia.

 

Baixar Aqui

Read More

O DISCURSO DO JORNAL O ESTADO DE S. PAULO SOBRE O MERCOSUL

Yohanna Lara Barros Pinheiro

 

Resumo
Esta pesquisa visa promover uma Análise de Discurso dos editoriais do jornal O Estado de S. Paulo com o intuito de examinar de que forma o periódico retrata o bloco econômico MERCOSUL. A seleção do corpus levou em conta os editoriais publicados entre janeiro e junho de 2013 que continham o termo “MERCOSUL”, o que totalizou 16 textos. Buscou-se mapear as principais questões enfatizadas pelo jornal ao retratar a situação do bloco econômico e identificar as marcas discursivas que reforçam a posição da empresa jornalística acerca do bloco. Através da Análise de Discurso, a apreciação de 76 sequências discursivas permitiu a identificação de cinco formações discursivas principais, através das quais o Estadão apresenta o MERCOSUL como um bloco fracassado: 1) as “amarras” do MERCOSUL; 2) a incompetência/passividade do governo brasileiro; 3) a Argentina protecionista; 4) a Venezuela antidemocrática; e 5) a suspensão do Paraguai como “golpe”.

 

Palavras-chave: MERCOSUL, Opinião, Editorial, Jornalismo, Estadão.

 

Baixar Aqui

Read More

JORNALISMO POLÍTICO E IMAGEM PÚBLICA: DILMA ROUSSEFF NOS EDITORIAIS DO JORNAL O ESTADO DE S. PAULO

Camila Mont’alverne

 

Resumo
Neste trabalho, pretende-se investigar, por meio do estudo dos editoriais publicados na versão impressa de O Estado de S. Paulo, a forma pela qual a imagem pública de Dilma Rousseff é construída pelo jornal. O corpusé composto por 24 peças, de diferentes meses e semanas de 2012. Sabe-se que a imagem pública dos representantes constitui um dos fatores que influenciam as preferências políticas dos cidadãos. Nesse contexto,o Jornalismo (mesmo ao adotar o discurso da objetividade) dispõe de configurações especiais em relação à construção da imagem dos agentes políticos. Na análise dos editoriais, três foram os eixos temáticos principais diagnosticados: Economia; Política e Questões Sociais. A partir da divisão das categorias, foram identificados os enquadramentos adotados pelo periódico para caracterizar a presidente.No eixo Economia, os editoriais questionam a competência da presidente para lidar com a crise internacional. Acerca da Política, criticam as negociações com a base aliada. No eixo Questões Sociais, o Estadão põe em xeque a eficiência da gestora em relação a obras de forte impacto social. Percebe-se uma tensão permanente no processo de enquadramento, na medida em que o discurso da objetividade é problematizado pelas tomadas de posição evidentes nos editoriais.

 

Palavras-chave: Jornalismo; Imagem pública; Editorial; Dilma Rousseff; O Estado de S. Paulo.

 

Baixar Aqui

Read More

INTERNET E IMAGEM PÚBLICA: O PAPEL DO WEBLOG NA ESTRATÉGIA DE COMUNICAÇÃO POLÍTICA DE JOSÉ SERRA

Fernando Wisse Oliveira Silva

 

Resumo
O trabalho examina as características e peculiaridades das estratégias comunicacionais na internet. Mais especificamente, verifica-se de que maneira o político José Serra lançou mão do site pessoal no período entre eleições. O texto analisa as novas disposições e comportamentos que podem ser percebidos uma vez que a utilização das ferramentas digitais tem o potencial de contornar a comunicação mediada pelos partidos e pelos meios de comunicação e estabelecer vínculos diretos com os cidadãos. Em um primeiro momento, analisa-se a relação entre comunicação e política, buscando entender as formas de comunicação utilizadas pelos agentes e agremiações políticas. Em seguida, estuda-se a imagem pública, parte considerável da disputa política contemporânea, e, especificamente, com a apropriação da internet como plataforma de comunicação. Partindo da ideia de busca por visibilidade pública e utilização da internet, esse trabalho analisa postagens, comentários e estrutura do website de Serra no sentido de compreender como essa estratégia de comunicação foi construída e que objetivos vem conseguindo atingir. Não obstante, percebeu-se um alto grau de personalização dos discursos na tentativa de aproximar-se do internauta que acessa o site e manter sua imagem em pauta na esfera de visibilidade pública.

 

Palavras-chave: Comunicação. Internet. Representação política. Imagem pública. Personalização. Weblog.

 

Baixar Aqui

Read More

FORTALEZA CONECTADA: A relação entre Cidade, Trânsito e Internet a partir do perfil do Twitter @LeiSecaFortal

Hayanne Narlla Neves

 

Resumo
A pesquisa apresenta uma investigação acerca da influência da internet na relação estabelecida entre o indivíduo e a cidade. O objetivo é analisar de que maneira as chamadas “redes sociais digitais” (especificamente o Twitter) se relacionam com os dispositivos de comunicação móvel (telefones celulares, por exemplo),ao mesmo tempo em que contribuem para alterar a relação de seus usuários com a cidade.O caso estudado é o perfil @LeiSecaFortal, do Twitter, que possui em torno de 37 mil seguidores (dados relativos a Janeiro de 2013). O @LeiSecaFortal informa a seus seguidores sobre o estado do trânsito em Fortaleza, tendo como fonte principal as contribuições de diversos usuários espalhados em diferentes pontos da cidade.O perfil possui um gerenciador que filtra as mensagens enviadas pelos seguidores ou por aqueles que interagem com ele, replicando as que julga de maior interesse e repercussão para o público.Com o recorte temporal de uma mesma semana (entre os dias 10 e 16)de quatro meses (Maio, Julho, Setembro e Novembro), realizou-se uma categorização do conteúdo publicado no referido perfil; em seguida, propôs-se uma classificação das mensagens postadas em seis categorias: 1) Blitz/Multas; 2) Acidentes/Colisões; 3) Infraestrutura; 4) Comportamento; 5) Tráfego; 6) Outros. Através da análise das mensagens, verificou-se que aquelas concernentes ao Tráfego são as que aparecem em maior número. Também é possível constatar que a categoria Blitz/Multas tem uma menor frequência de retweets em relação à categoria Tráfego, o que indica que esta não é a maior preocupação dos motoristas de Fortaleza que seguem o perfil @LeiSecaFortal. Todavia, em julho, a categoria Blitz/Multasaparece como a mais recorrente, apontando que,no período de férias,a fiscalização é mais rígida. Foi realizada ainda uma comparação com o mesmo recorte semanal do mês de março de 2011. A partir disso, verificou-se que em 2011 havia mais postagens do que em 2012, além da categoria sobre Tráfego ser a mais recorrente. Também verificou-se que,em 2011,havia mais problemas referentes à infraestrutura, o que não ocorreu em 2012. Além disso, a categoria Comportamento, em ambos anos, foi a menos recorrente, mostrando que os motoristas de Fortaleza não estão interessados em saber sobre o comportamento dos outros ou se o gerenciador do perfil filtra mais constantemente esse tipo de postagem.Considera-se que a análise ajuda a compreender a transformação das relações entre os usuários da internet e o cotidiano da cidade, mais especificamente na mobilidade de Fortaleza.Pontua-se, ainda,que o perfil gera estatísticas sobre o trânsito local, indicando vias e horários em que há maior fluxo de veículos, assim como problemas de infraestrutura na cidade.

 

Palavras-chave: Internet. Twitter. Redes Sociais.Cidade. Mobilidade.

 

Baixar Aqui

Read More

A TRANSPARÊNCIA DO LEGISLATIVO NA ERA DA COMUNICAÇÃO DIGITAL: UM ESTUDO SOBRE OS PORTAIS DA ASSEMBLEIA LEGISLATIVA DO CEARÁ E DA CÂMARA MUNICIPAL DE FORTALEZA

Lauriberto Carneiro Pompeu de Sousa Brasil

 

Resumo
Esta presente investigação tem como objetivo responder como a Assembleia Legislativa do Ceará e a Câmara Municipal de Fortaleza utilizam seus portais eletrônicos como facilitadores do exercício da transparência política. A introdução desta pesquisa trata sobre o desenvolvimento das tecnologias da informação e como elas exerceram influência sobre a prestação de contas por parte do poder público. Também serão apresentados, na introdução, os conceitos que irão nortear este estudo, que são os de accountability e democracia digital. O primeiro capítulo consistirá em uma contextualização da transparência no Brasil, com a explicação da Lei de Acesso à Informação (Lei nº 12.527), no detalhamento dos procedimentos metodológicos específicos para este capítulo 1 e na descrição das ferramentas de estímulo à transparência dos portais eletrônicos das Casas Legislativas estudadas.No segundo capítulo será feita uma explicação da metodologia referente ao conteúdo abordado nele, que considera três critérios de análise na avaliação das ferramentas dos portais eletrônicos, que são a facilidade de acesso, facilidade de leitura e comunicação com o público. Depois disso, baseado nesses parâmetros, o capítulo 2 classifica a transparência das ferramentas dos portais eletrônicos estudados como “ruim”, “regular” ou “boa”. A conclusão deste estudo contém uma síntese do conteúdo abordado ao longo de toda a pesquisa e uma comparação dos resultados encontrados nas avaliações dos portais da Assembleia Legislativa do Ceará e da Câmara Municipal de Fortaleza.

 

Palavras-chave: Democracia digital; Accountability; Portal da Câmara Municipal deFortaleza; Portal da Assembleia Legislativa do Ceará.

 

Baixar Aqui

Read More

PERSONALIZAÇÃO DA REPRESENTAÇÃO POLÍTICA: Um estudo sobre as estratégias de comunicação dos deputados Marco Feliciano e Jean Wyllys no Twitter

Fernando Wisse Oliveira Silva

 

Resumo
O presente trabalho tem por objetivo discutir a personalização da política por parte dos representantes ao longo do mandato.Analisa-se como a utilização de media digitais tem participação nesse fenômeno.Explora-se como agentes do campo acabam se apropriando dessas redes digitais para aumentar sua visibilidade, através da promoção da própria imagem, a fim de influenciar favoravelmente a opinião pública.Esses meios são frequentemente encarados com o potencial de aproximar a política dos cidadãos, aumentando o engajamento da esfera civil. Examinando os perfis pessoais de dois deputados federais no Twitter –Marco Feliciano (PSC-SP) e Jean Wyllys (PSOL-RJ) –, busca-se estudar o uso “personalizado” dos media digitais por estes agentes políticos. Para isso, foram coletados e estudados os tweets publicados nos meses de setembro, outubro e novembro de 2013, a fim de contemplar os perfis dos dois parlamentares de maneira mais contínua, sem se restringir a um acontecimento específico, enfatizando-se os perfis dos diálogos travados entre os parlamentares e os usuários. Para classificação dos tweets, utilizou-se análise de conteúdo das mensagens na tentativa de dimensionar a gestão de imagem dos deputados a partir do que foi publicado em seus perfis. A análise das mensagens revelou uma composição de uma imagem pública de dois deputados bastante integrados com as novas tecnologias e que, pelo menos na aparência, estão dispostos a manter um diálogo direto com os cidadãos. Ao gerenciarem suas imagens públicas, têm-se principalmente os deputados falando sobre as posições detidas e realizações pessoais, ligando, por vezes, a várias remodelações e compromissos que ocorrem no seu cotidiano. Portanto, trata-se de uma informação pessoal, mas de natureza profissional e não oferece a seus seguidores um senso do processo político interno para a tomada de certas decisões.Porém, é inegável que a utilização de ferramentas digitais aproxima representantes e representados e, por consequência, também aproxima o discurso político da sociedade, ainda que as trocas sejam limitadas.

 

Palavras-chave: Internet; Marketing Político; Personalização da Política; Twitter.

 

Baixar Aqui

Read More

PARTICIPAÇÃO E DELIBERAÇÃO EM AMBIENTE ONLINE: UM ESTUDO DO PORTAL E-DEMOCRACIA

Isabele Batista Mitozo

 

Resumo
O presente trabalho objetiva compreender a visão de participação e a valorização que o Poder Legislativo brasileiro, na figura da Câmara dos Deputados, faz acerca de mecanismos de participação, a partir de um estudo de caso do Portal e-Democracia, patrocinado pela referida instituição.As ferramentas do e-Democracia, por permitirem aos cidadãos participação na discussão de tópicos advindos de pauta legislativa, trazem à tona a utilização da internet como elemento possivelmente eficaz de ligação entre representantes e representados. Em outras palavras, a proposta do e-Democracia consiste na geração de debates, tanto entre os cidadãos quanto entre estes e seus representantes,a fim de contribuir para a formulação de políticas públicas. A pesquisa se concentrou em observar o desenvolvimento das Comunidades Legislativas abrigadas na experiência em questão, aptas a envolverem qualquer usuário interessado,sendo possível identificar no processo que nelas se desenvolve uma tentativa de reprodução do modelo ideal baseado no binômio deliberação-votação, desenhado para guiar o funcionamento do processo de produção da decisão política no âmbito das Comissões. Constata-se, contudo, a falta, no portal, da sistematização requerida por esse modelo ideal, uma vez que não se efetiva a ligação entre as etapas de debate e decisão. Nessa perspectiva, delimitaram-se como corpus empírico duas Comunidades cujas discussões são de fundamental importância para o país–aquelas que visam à participação na construção das leis ligadas ao orçamento brasileiro de 2013 (Lei de Diretrizes Orçamentárias e Lei Orçamentária Anual). Os parâmetros sob os quais foi realizada a análise subdividiram-se em dois níveis: 1) Participativo(Provimento de informação, Motivação aos cidadãos; Perfil dos Canais) e 2) Deliberativo, sendo este, ainda,posto em duas instâncias: 2.1) Estrutura dos fóruns (Identificação; Abertura/Liberdade; Agenda; Moderação; Espaço Público Forte x Fraco)e 2.2) Conteúdo das postagens (Provimento de razões; Reciprocidade; Respeito mútuo; Orientação para o Bem-Comum). Por meio da análise empírica, conclui-se que, a iniciativa apresenta bons resultados quanto aos critérios participativos adotados como parâmetro na pesquisa.Em relação à deliberação, contudo, o portal ainda não apresenta ser bem sucedido, justamente por concentrar-se em atuar na condição de dispositivo dotado de múltiplas ferramentas, o que privilegiou a ampliação da participação em vez de encaminhar os cidadãos a contribuírem de forma mais qualificada, através das discussões desenvolvidas nos fóruns.
 

Palavras-chave: Participação Política, Deliberação Online, Poder Legislativo, Portal e-Democracia, Representação.

 

Baixar Aqui

Read More

ELEIÇÕES E DELIBERAÇÃO PÚBLICA NA WIKIPÉDIA: Um estudo dos verbetes dos candidatos à Prefeitura de São Paulo

Carlos Henrique Parente Sousa

 

Resumo
Durante as últimas décadas, parte dos debates que cercam a interface mantida entre Comunicação e Política se concentrou em avaliar a capacidade dos mediadigitais como instrumentos capazes de fomentar a participação. Seguindo tal direção, esta pesquisa propõe examinar como determinados mecanismos de comunicação digital vêm sendo empregados sob a perspectiva de um projeto autoconstruído através da colaboração. A Wikipédia, objeto deste trabalho, é uma enciclopédia livre, um sistema do qual múltiplos agentes podem participar, seja escrevendo verbetes ou editando conteúdos já existentes. Destaque-se que a modificação colaborativa dos verbetes abre a possibilidade de realização de um debate público (abrigado nas páginas de discussão exclusivas para cada tema) acerca do teor das informações que são tornadas disponíveis aos usuários. As questões específicas que guiam a pesquisa são: Quais são os impactos na quantidade de acessos e de edições de certas biografias quando se tem no horizonte uma corrida eleitoral acirrada? De que maneira se dão os debates em torno da elaboração dos verbetes dos principais candidatos que concorreram à Prefeitura de São Paulo em 2012? O corpusempírico consiste de três verbetes disponíveis na enciclopédia, relativos principais candidatos que disputaram a Prefeitura da cidade de São Paulo em 2012, a saber, “Celso Russomanno”, “Fernando Haddad” e “José Serra”. Metodologicamente, opta-se por uma abordagem que conta com duas dimensões, uma quantitativa e outra qualitativa. A análise quantitativa considera o intervalo entre 2008 e 2012, explorando os índices de page viewse as tendências das edições. Já o exame qualitativo investiga, a partir de elementos da Teoria Deliberativa, a colaboração e a deliberação pública em torno dos três artigos, delimitando-se ao período de 2012. A intenção é compreender a Wikipédia para além dos seus diagnósticos meramente instrumentais: acredita-se que as formas de uso de tal plataforma refletem, de alguma maneira, o contexto e a cultura política local e/ou nacional. Concluiu-se que o contexto das eleições acaba influenciando a dinâmica das edições realizadas na Wikipédia. Além disso, é possível observar um notável aumento na quantidade de modificações e nos acessos aos verbetes aqui investigados. Verifica-se que os usuários que mais editam são os mesmos que mais buscam o debate nas páginas de discussão. No entanto, do ponto de vista deliberativo, as páginas de discussão dos verbetes desses candidatos apresentaram poucos debates. O contexto das eleições apresenta limitações no que diz respeito a discussões racionais, visto que o objetivo de parte dos usuários é convencer os outros wikipedistas sobre os aspectos positivos dos seus candidatos ou acerca das características negativas dos adversários.

 

Palavras-chave: Eleições. Democracia. Colaboração. Deliberação Pública. Wikipédia.

 

Baixar Aqui

Read More

DIVA, PRESIDENTA E FAKE: A CONSTRUÇÃO DA IMAGEM DE DILMA ROUSSEFF PELO PERFIL “DILMA BOLADA” NO TWITTER

Simone Faustino da Silva

 

Resumo
Em um processo contínuo de construção da opinião e moldagem de representações nas redes de comunicação digital, destaca-se a produção de conteúdo e a interação realizada por meio da apropriação da identidade de terceiros. A cada dia, povoam a internet novos perfis não-oficiais de personalidades conhecidas, estando os atores políticos (continuamente sob julgamento público) especialmente vulneráveis a ações dessa natureza. Em consonância com essa realidade, a presente dissertação realiza um estudo qualitativo, ancorado metodologicamente na abordagem da Análise de Conteúdo (AC) de Bardin (2011) e executado pela própria pesquisadora com o apoio do software Qualitative Solutions Research NVivo em sua versão 10.0, facilitador do processo de organização e categorização. Dessa forma, investigou-se a construção feita da imagem pública da Presidenta Dilma Rousseff na rede social Twitter pelo perfil fake Dilma Bolada, um dos mais populares da internet. A escolha da rede justifica-se pela perspectiva personalizada adotada pela conta “falsa”. Este, inclusive, é um caso notório perfil fake cuja visibilidade já ultrapassa aquela obtida pela conta oficial em algumas redes, como o Facebook e o Instagram. Com base em um recorte temporal que vai de 1º de janeiro até 5 de julho de 2014 (último dia para registro de candidatos a Presidente e Vice, segundo o TSE), foram mapeados no conteúdo das postagens indícios de uma construção estratégica, mítica, midiatizada e personalizada da imagem pública, em uma análise relacionada à literatura revisada nos capítulos introdutórios.

 

Palavras-chave: Imagem pública. Twitter. Dilma Rousseff. Dilma Bolada. Perfis fake.

 

Baixar Aqui

Read More